Primeiros quadrinhos brasileiros estão disponíveis de graça na internet


Desde 2002, a Biblioteca do Senado Federal oferece um serviço público de digitalização de obras clássicas da nossa literatura. Chamado de Biblioteca Digital, este projeto compartilha valorosos tesouros culturais através de download em PDF.

Parte do acervo inclui histórias em quadrinhos. São títulos dos primórdios da produção cultural brasileira e estão com fácil acesso, de forma rápida e gratuita.

Vale ressaltar que a navegabilidade do site não é muito acessível. Por isso, o Senado fechou um acordo com o aplicativo Social Comics pra liberar a leitura de pelo menos três títulos numa plataforma muito mais amigável. Estão lá: "Memórias d’O Tico-Tico", "As Aventuras de Nhô-Quim & Zé Caipora" e "O Guarani".

Caso você não tenha uma conta no Social Comics (o serviço é pago), pode baixar gratuitamente os títulos que marcam o nascimento dos quadrinhos nacionais acessando os links abaixo:

  1. Memórias d'O Tico-Tico : Juquinha, Giby e Miss Shocking
  2. As aventuras de Nhô-Quim & Zé Caipora : os primeiros quadrinhos brasileiros 1869-1883
  3. O guarani - Adaptação de: O guarany / José de Alencar

Claro que se tratam de obras antigas e com uma linguagem totalmente destoada da realidade atual. Mas vale a leitura pela experiência de degustar uma parcela do embrião dos quadrinhos nacionais.

Daniel Rost Dreyer

Sócio fundador da Gampi. Publicitário, empresário e entusiasta de cultura geek. May the Force be with you. Always.

Nenhum comentário:

Postar um comentário