Supernova produções lança a HQ nacional e gratuita OS BANDEIRANTES #01



O segundo título da editora chegou em formato digital

A Supernova Produções publicou no dia 30 de janeiro de 2016 a primeira edição de Os Bandeirantes, a segunda revista regular, após as primeiras edições da revista Anarquia.

A HQ digital está disponível gratuitamente no Google Play pelo aplicativo da Supernova Produções. CLIQUE AQUI PARA BAIXAR.

Este primeiro número inicia a história de uma equipe militar secreta desenvolvida por cientistas brasileiros com a ajuda dos alienígenas capturados em Varginha/MG em 1996. Com desvios de verba pública, o Projeto Bandeirantes é financiado de forma a não chamar atenção. A equipe tem dois objetivos: o primeiro é assegurar a segurança do Brasil por parte de outras nações, que visam a nossos recursos naturais e cuja ganância deve crescer quando o petróleo no Oriente Médio estiver escasso. O segundo é investigar as raças alienígenas a fim de proteger o país contra uma possível investida extraterrestre. Com habilidades únicas e equipamento em desenvolvimento, será que eles poderão dar conta de responsabilidades tão grandes?

A primeira edição faz parte do primeiro arco de histórias, que será em quatro edições. Os Bandeirantes é uma série de ficção científica com inspirações em tramas de ação, como Robocop – O Policial do Futuro, a série cinematográfica Missão Impossível, O Predador, Os Doze Condenados e a série de TV Esquadrão Classe A.

A Supernova Produções é uma editora independente de HQs com o objetivo de criar histórias que tenham alcance mundial, gratuitas no formato digital. Além de português e inglês, a Supernova pretende também disponibilizá-las futuramente em outros idiomas, como espanhol e francês.

Os Bandeirantes #01 conta com argumento de Emílio Baraçal e Alexandre Dias, roteiro de Emílio Baraçal. Os desenhos são divididos entre Hélio Oliveira e Marcelo Mueller, com arte-final de Carlos Eduardo Ferreira e Marcelo Mueller, com cores de Geanes Holland e Beto Menezes, e por fim, balões e letras de Gustavo Pinheiro. A capa é de Leo Rodrigues, Carlos Eduardo Ferreira e Beto Menezes.

Daniel Dreyer

Publicitário, blogueiro, fã de cultura geek, HQ's, filmes, séries e colecionáveis. Planejamento de contas na agência de publicidade Gampi, muito bem casado e papai babão.